Iguatu anuncia plano de contingência proibindo reunião acima de 60 pessoas

O prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor, reuniu representantes de entidades de classe, sindicatos, secretários e a imprensa na manhã desta quarta-feira (18) para anunciar as medidas do Plano de Contingência Municipal de Prevenção ao Coronavírus (Covid 19), no auditório do Hotel Diocesano.

O gestor explicou que as aulas estão suspensas por pelo menos 15 dias e o decreto municipal proíbe reuniões com mais de 60 pessoas, inclusive celebrações religiosas.

O gestor municipal pediu a colaboração de todos os moradores. “Esse é um momento de união de todos os moradores, de colaboração, de adoção de medidas preventivas”, frisou. “Vamos evitar viajar e ter contato muito próximo, adotar as medidas de higiene pessoal”.

O secretário de governo, Tácito Cavalcante, disse que na tarde desta quarta-feira (18) houve uma reunião com médicos e profissionais da saúde para definir ações de tratamento para as pessoas que apresentarem sintomas mais graves da doença. “Todos os profissionais vão ficar de prontidão”, pontuou. “Esperamos a colaboração dos moradores”.

Honório Barbosa/Diário do Nordeste

 

CLOSE
CLOSE