Prefeitura de Iguatu reajusta piso salarial do magistério em 4,17%

O prefeito Ednaldo Lavor informou que os professores da rede municipal de Iguatu terão um reajuste de 4,17% sobre o vencimento básico, acompanhando o piso salarial profissional nacional para o ano 2019. De acordo com a secretária municipal de Educação, Ciência e Ensino Superior, Elizangela Medeiros, o novo piso salarial faz parte da política de valorização do magistério adotada pela Prefeitura de Iguatu. Ele passa a vigorar a partir do pagamento de janeiro de 2019.

O piso é reajustado anualmente a partir do primeiro mês do ano e segue as regras da Lei do Piso que define o valor a ser pago aos professores da rede pública com formação de nível médio e jornada semanal de 40 horas. O aumento é definido de acordo com o valor anual mínimo por aluno no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Foram anunciados ainda a progressão horizontal (via não acadêmica) de 3%, descongelamento do anuênio dos docentes, um terço de férias referente aos 15 dias de janeiro, revisão do Decreto 48/2017, reestruturação do PCRM, processos de readaptação, melhores condições de trabalho, etc.

“Esse é o reconhecimento, é a valorização dessa categoria tão fundamental para assegurar a qualidade do ensino em nosso município, por isso executamos essa medida remuneratória que dá mais dignidade a esses profissionais”, disse o prefeito Ednaldo Lavor.

Também participaram da mesa de negociação salarial os secretários municipais, dentre eles representante da Educação, Ciência e Ensino Superior, a secretária de Política e Organização Sindical da Federação dos Trabalhadores no Serviço Público do Estado do Ceará (Fetamce), Ninivia Campos, e o presidente do Spumi, Pablo Neves.

CLOSE
CLOSE